Mario Persona CAFE - Crônicas de vida, carreira e negócios.

"É prova de alta cultura dizer as coisas mais profundas
do modo mais simples" -
Ralph Waldo Emerson 

Mario Persona é palestrante, escritor, conferencista, consultor, tradutor, professor de comunicação e marketing.

Mario Persona é palestrante, escritor, conferencista, consultor, tradutor, professor de comunicação e marketing.

Mario Persona CAFE

Últimas - Mario Persona CAFE Arquivos - Mario Persona CAFE Receba - Mario Persona CAFE Envie - Mario Persona CAFE Contato - Mario Persona CAFE

Quer publicar estas crônicas em seu site?

[Anterior: "Sem legenda"] [Página Inicial] [Próximo: "Profissão palestrante"]

26/01/2006 O pintor em minha janela
por Mario Persona

O pintor em minha janela

:cool: Hoje o pintor em minha janela surpreendeu-me com uma nova obra. Um quadro de cores quentes, pinceladas vigorosas e uma linha em tons sombrios separando o céu azul da terra ardente. Diferente dos dois últimos quadros que pintou em minha janela, um em tons suaves e outro no qual depositou ouro sobre veludo azul.


Os únicos elementos iguais na tela são as silhuetas dos edifícios feitos pelo homem, estáticos e previsíveis. É fácil saber como estarão amanhã, mas o mesmo não pode ser dito da obra do pintor em minha janela. Amanhã ele traz nova surpresa. E isso usando sua técnica peculiar de pintura em camadas, ou layers, como a utilizada no desenho animado.

Quando o Pato Donald caminhando na tela, as casas logo atrás vão passando em uma velocidade, as montanhas ao fundo mais devagar, as nuvens no horizonte bem devagarinho e o sol nascente parece fixo. Os artistas desenham sobre diferentes folhas de material transparente que sobrepostas e movimentadas em velocidades diferentes criam a ilusão de profundidade. Da próxima vez que viajar de carro, olhe pela janela lateral e verá o mesmo efeito.

Mas enquanto os desenhistas pintam lâminas transparentes sobrepostas, o pintor em minha janela pinta lâminas cronológicas. Vê aquele prédio ali? Ele estava a uma fração de tempo de sua imagem que chegou à câmera. As nuvens existiram poucos segundos antes da imagem que eu enxergava. Quando bati a foto elas já não existiam mais assim. E aquela explosão de fogo no horizonte — o Sol — aconteceu, na realidade, oito minutos antes de eu apertar o botão. Incrível, hein? Uma pintura em camadas de tempo! Só o pintor em minha janela para conseguir tal feito e efeito.

Nosso Sol está a uns 150 milhões de quilômetros, portanto o Sol que você vê — é melhor não olhar diretamente para ele — é o Sol do passado. É sua imagem que viajou tudo isso que você vê chegar. Quando você olha para o céu, não vê a coisa como é, mas como foi e ainda em camadas cronológicas não simultâneas.

Sabe aquela estrelinha que parece ao lado da outra? O que vê é como ela era há milhares ou milhões de anos, e a outra que vê simultaneamente existiu ali milhares ou milhões de anos antes ou depois da primeira. Muito louco, hein? Dá para acreditar no que você vê? Não dá.


Veja esta outra estrela que já foi como nosso Sol. Hoje está moribunda. Hoje?! É chamada de Nebulosa Olho-de-Gato, mas é uma estrela que está morrendo. Está?! Bem, era uma estrela morrendo há mais de 3 mil anos, que foi o tempo que levou para sua imagem chegar às lentes do telescópio Hubble. Então o que você vê é o que a estrela foi e nosso Sol será. Mas não se preocupe. Quando o Sol morrer você só vai descobrir oito minutos depois, que é o tempo que sua luz leva para viajar até aqui.

E então, continua acreditando nas coisas que vê, que ouve, que cheira, que sente? Nem eu. É melhor acreditar no pintor em minha janela, o único capaz de pintar com as tintas das eras aquilo que pensamos que é, mas já foi. Quando meus filhos eram pequenos eu sempre falava a eles desse pintor e de sua obra. Hoje eles são grandes o suficiente para acreditar no que quiserem, mas acreditam mais no pintor do que na pintura.

"Poderás tu ajuntar as delícias do Sete-estrelo ou soltar os cordéis do Órion? Ou produzir as constelações a seu tempo, e guiar a Ursa com seus filhos? Sabes tu as ordenanças dos céus, ou podes estabelecer o domínio deles sobre a terra? Jó 38:31-33
[>> Envie a um amigo >>]
Se você gostou das mensagens sobre "O pintor em minha janela" que costumo publicar aqui, irá gostar de saber que criei um blog só para isso. Clique aqui para conhecer. Depois escreva dizendo o que achou.
Use o formulário abaixo para comentar.

resenha resenhas resumo resumos livro livros crítica críticas opinião opiniões literatura literaturas comentário comentários

Manual do Astrônomo: uma Introdução à Astronomia Observacional...
RONALDO ROGERIO DE FREITAS MOURAO

As descobertas astronômicas se sucedem, e paulatinamente os profissionais constatam a importância da colaboração de astrônomos amadores em seu trabalho. A fim de estimular os que perscrutam o céu por diletantismo, este manual apresenta técnicas e métodos de observação, tanto a olho nu quanto através de binóculos, lunetas e telescópios – ensinando até mesmo como construí-los. Traz também apêndices valiosos, incluindo um glossário e listas de endereços de associações, observatórios, planetários e lojas de material astronômico.
Este Manual do Astrônomo, em estilo simples e direto, reafirma o já conhecido talento de Ronaldo Rogério de Freitas Mourão como escritor de divulgação científica.

E a gorjeta, doutor?


Respostas: 1 Pessoa comentou. E você, qual é sua opinião?

Agora meus olhos se abrirão ainda mais para ver a arte deste pintor que também dar-me o prazer de conhecê-lo, conviver com ele, mas sem perceber direito.

Eu também tenho uma janela.

Enviado por ailton avlis em 02/02/2006


Publique aqui seu Comentário. Ele ficará visível nesta página. Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem necessariamente a opinião do autor deste blog.

Quer falar em particular? Envie um e-mail para
contato@mariopersona.com.br

*Nome (obrigatório):

E-Mail (opcional):

Site (opcional):

Comentário

Código de segurança anti-spam:
Digite aqui em letras maiúsculas)


Leia outros textos nos
arquivos.

Gostou do CAFÉ?
Anote no guardanapo e convide alguém!

De: ....
Para:
Comentário:


*Preencha todos os campos.

Mario Persona CAFE


Subscribe Free
Add to my Page

Cardápio Profissional:

Palestra Palestra com Manteiga
Planejamento Planejamento Light
Comunicação Comunicação Quente
Redação Redação com Ovomaltine
Tradução Tradução Inglesa
Experiência Experiência ao Ponto
Imprensa Imprensa na Chapa
Contato Fale com o Garçom

After Hours: Quero Contar, True Stories, Chapter-A-Day, O Pintor em Minha Janela

Copie o endereço RSS para seu leitor de feed O que é RSS?

Livros de Mario Persona

"Ser alguém é ter uma história para contar."
Isak Dinesen

Curioso para saber quem sou? Ok, você pediu. Para poupá-lo, vou começar nos anos 70. Após a fase mauricinho, virei hippie. Isso mesmo. Compus, cantei e toquei em festivais, vivi 3 anos só de macrobiótica e vesti bata de algodão de saco de farinha. Despojamento exterior de um Gandhi, mas vivendo como a rainha da Inglaterra, PAItrocinado no conforto de um apê só meu no Guarujá e faculdade particular em Santos.

Fim dos anos 70, desenhista, designer de ambientes e cartunista, recém formado arquiteto, metido em movimentos de contracultura e volta à natureza, fui morar no mato. Comprei um sítio após uma tentativa frustrada de morar numa comunidade. Onde? Alto Paraiso, GO. Foram 3 anos cantando "Refazenda", criando carrapatos, plantando mato e comendo arroz integral com gersal.

Foi também no fim dos 70 que nasci de novo, após três anos errando à procura de um sentido para a vida em filosofias do extremo oriente. Minha procura terminou no oriente médio
e os anjos ficaram alegres.

Voltei à civilização para continuar a carreira de arquiteto. Tive escritório de arquitetura, fui vendedor de materiais de acabamento, negociador no Banco Itaú e Cia do Metrô, editor de publicações cristãs da Verdades Vivas, tradutor técnico e diretor de comunicação e marketing da Widesoft.

Dinossauro da Internet no Brasil, em 1996 criei meu primeiro site, o bilíngüe
True Stories, seguido do trilíngüe Chapter-A-Day. Trabalhando na Widesoft, criei a comunidade Widebiz e ultimamente mantenho alguns blogs, como este CAFE, o biográfico Quero Contar e o devocional O Pintor em Minha Janela.

Hoje sou
palestrante, escritor, professor e estrategista de comunicação e marketing, além de garçom aqui no Mario Persona CAFE. Para saber mais é só clicar nos docinhos do cardápio profissional lá no alto.

Descobri o ócio criativo e faço que gosto trabalhando em casa. Meus clientes nunca iam ao meu escritório — nem eu — por isso decidi assumir o modelo home-office, conectado a um atendimento profissional, empresas parceiras, ao meu filho
Lucas Persona e aos meus clientes. Adotei o modelo futuro no presente.

Ao lado de minha mesa fica a poltrona de meu filho Pedro, que passa o dia escutando música. Quem é Pedro? Esta é uma outra história que você encontra no livro
"Uma Luta pela Vida", de minha filha Lia Persona, ou acompanhando o blog Quero Contar .

Com tanta
gente lendo meus textos, visitando meu site, assistindo minhas palestras, costumo receber um bom número de e-mails de leitores. Mas nenhum foi tão enigmático quanto aquele que trazia apenas uma pergunta: "Por que você se chama Mario Persona?".

"Você é o contador de histórias de sua própria vida, e poderá ou não criar sua própria lenda."
Isabel Allende



Vida, Carreira & Negócios - PodcastOneVida, Carreira & Negócios - PodcastOne


Powered By Greymatter

Copie o endereço RSS para seu leitor de feed O que é RSS?

 

 

Home | Planejamento | Comunicação | Redação | Tradução | Palestras | Coaching | Crônicas | Experiência | Imprensa | Contato

© Mario Persona Consultoria Ltda. contato@mariopersona.com.br Tel (19) 3038-4283 / Cel (19) 9789-7939 - Limeira - SP - Brasil

moving on, marketing de gente, gestão de mudanças em tempos de oportunidades, receitas de grandes negócios, crônicas de uma internet de verão


© Mario Persona

BlogBlogs.Com.Br Who links to my website?